COMO ESCOLHER UMA BOA FRALDA - EM 5 DICAS ESSENCIAIS
BABY PLANNER GRAVIDEZ MATERNIDADE

5 DICAS DE COMO ESCOLHER UMA BOA FRALDA

5-dicas-de-como-escolher-a-melhor-fralda-para-o-seu-bebê

Por Dominique do Valle, advogada, blogueira e baby planner* especializada em aleitamento materno.
*Consultoria materna para mulheres gestantes e recém mães.

5 características que uma fralda deve ter:
O momento de escolher as melhores fraldas para o bebê envolve muitas questões e deixa muitas dúvidas. São tantas marcas e diferentes produtos que essa simples escolha se torna um desafio, principalmente para quem não sabe bem como escolher. E é por conhecer e trabalhar com isso que compilei 5 características que uma boa fralda deve ter para cumprir as suas funções. 

  1. Bom preço: É normal que queira dar o melhor para os seus filhos, mas os produtos mais caros nem sempre são os melhores e, por isso, é importante procurar um produto que satisfaça as necessidades que procura e que lhe permita pagar um preço que considere justo. Assim, é fundamental experimentar vários produtos até chegar a conclusões correta e decidir-se pelas fraldas que considera serem as melhores para o seu bebê.
  2. Absorção: Para cumprir as funções que são relacionadas ao uso de fraldas, a característica que deve ter mais importância é a absorção. O grande objetivo das fraldas é absorver as excreções do seu bebê, retendo-as e evitando que a criança se sinta suja. Por isso, quando for ao supermercado conferir as marcas/tipos ou até mesmo online, tenha sempre em mente este ponto, visto que será a absorção que irá fazer toda a diferença no final do dia. É normal que algumas marcas fujam deste ponto essencial para tentar convencer consumidores menos informados e, principalmente, por não conseguirem desenvolver uma tecnologia que absorva melhor do que a concorrência.
  3. Tamanho ideal: outro ponto fundamental é o tamanho da fralda. A maioria das marcas tendem a fazer sugestões com base no peso dos bebês, o que pode não ser 100% correto, já que as medidas das fraldas nem sempre se compatibilizam com o peso. Assim, não existe solução melhor do que experimentar vários tamanhos e decidir por si só qual é o que melhor se adequa ao seu bebê. Saiba que o tamanho ideal pode não ser propriamente o melhor esteticamente, mas o que interessa é a eficácia do produto e o conforto do bebê.
  4. Materiais adequados: à primeira vista, os materiais de que são feitas as fraldas parecem a característica mais importante de todas. Aliás, estes materiais que vão influenciar fatores como o preço, a absorção e o próprio tamanho da fralda. Porém, além disso, os materiais que possibilitam a produção da fralda têm também influência na própria suavidade e em possíveis irritações na pele do bebê. Mais uma vez, o veredito sobre um suposto produto deve ser dado através de um método empírico: experimente. Se notar arranhões, manchas ou sinais de irritação na pela do bebê, experimente outro produto.
  5. Conforto: tendo em conta os pontos anteriores, aquilo que mais interessa é o conforto do bebê. Numa primeira fase, deve tentar perceber se não existem vazamentos da própria fralda, atestando assim a eficácia do produto. Depois é importante que analise o próprio conforto que é demonstrado pelo bebê. Aqui interessa fazer uma análise da linguagem corporal do seu pequeno e perceber se ao colocar a fralda o bebê demonstra satisfação ou desconforto. Ao descobrir a fralda perfeita (a que cumpre todas as cinco características), pode pensar em comprar grandes quantidades dessa marca pela internet, para conseguir preços mais baixos. 

 


 

 

 

Você também vai gostar!

Sem Comentários

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.